Bacafá

Bacafá

quinta-feira, 11 de março de 2010

Torquato Neto

COGITO

eu sou como eu sou
pronome
pessoal intransferível
do homem que iniciei
na medida do impossível

eu sou como eu sou
agora
sem grandes segredos dantes
sem novos secretos dentes
nesta hora

eu sou como eu sou
presente
desferrolhado indecente
feito um pedaço de mim

eu sou como eu sou
vidente
e vivo tranqüilamente
todas as horas do fim.

Um comentário:

Agostinho Lopes disse...

Vivas ao polêmico Torquato Neto, nordestino de Teresina, contemporâneo de Gil, Caetano, entre outros e grande opositor da ditadura militar.

Deixou uma lacuna após seu suicídio, aos 28 anos. Uma das músicas mais bucólicas de Caetano Veloso, "Cajuína", foi feita em homenagem ao poeta.