Bacafá

Bacafá

sexta-feira, 13 de novembro de 2009

Professor cavalo aplica em aluno burro anabolizando pra boi.

Essa poderia tranquilamente ser a manchete da seguinte matéria:

"O dono de uma academia de São João de Meriti (RJ) foi condenado a 10 anos de prisão por injetar anabolizante de uso veterinário em um adolescente de 17 anos, matriculado no curso de musculação. Segundo o TJ-RJ (Tribunal de Justiça do Rio), Amaro Júnior Fernandes, 28, vendia e aplicava o produto em alunos ilegalmente.

Ainda de acordo com o TJ, Amaro Júnior foi preso em flagrante após denúncia da mãe de um aluno. Já na casa do suspeito, a polícia flagrou o momento em que o produto era aplicado em um jovem. O material e 43 seringas foram apreendidos na casa de Amaro Filho. Com base, nas informações, o juiz Paulo Luciano de Souza Teixeira, em exercício na 1ª Vara Criminal de São João de Meriti, na Baixada Fluminense, considerou o réu culpado, sob pena de dez anos de prisão em regime fechado. Apesar disso, o acusado vai recorrer da decisão em liberdade, por ser réu primário, possuir bons antecedentes e residência. Na decisão, o juiz destacou que "em longo prazo, os efeitos são os mesmos que sofreria um alcoólico, como cirrose ou intoxicação hepática".

O magistrado afirmou ainda que "a substância apreendida não está no rol daquelas que possuem registro junto à Anvisa, tratando-se de produto veterinário bovino". De acordo com o TJ-RJ a academia do acusado -- que funcionava na região de Vilar dos Telles -- foi interditada por determinação judicial e o material apreendido será destruído. O nome da academia não foi divulgado pelo Tribunal."

Fonte: Folha Online.

Um comentário:

Anônimo disse...

Olha a podridão nas eleições da OAB de São Paulo.
Que coisa feia.
Será que os advogados aprenderam com os políticos a fazer campanha suja?
Ainda bem que aqui em SC não acontece isso. Sera!?

Acesse o link abaixo e veja.

http://www.youtube.com/watch?v=S_ue9jkn2O8&feature=popular

Um abraço,
Luiz Fernando
Dir 1.10 Fameg