Bacafá

Bacafá

terça-feira, 14 de janeiro de 2014

O retorno, com FEMUSC, notícias, citações e até, talvez, Contos de Quinta.

Muito tempo sem escrever, muito tempo sem dar a atenção que esse blog merece, e algumas cobranças dos amigos leitores. Cada vez menos cobranças, é verdade, por pura desconfiança que pudesse ressuscitar.

Mas, ressuscitei. Talvez por ter assistido na última semana "A volta dos mortos-vivos", clássico trash dos anos 80,"Guerra mundial Z", com Bradd Pitt fazendo o papel de salvador do mundo contra também zumbis e, para encerrar, "Meu malvado favorito 2", que estranhamente parece a versão desenho animado do "Guerra mundial Z", com destaque para a cena em que os zumbis (sim, mais zumbis!!) sobem o muro amontoando-se uns nos outros (fora tantas outras referências, que não sei se foram acidentais ou não - para falar a verdade nem sei qual filme foi lançado antes). Sem contar que estou aguardando a nova temporada de The walking dead.

Mortos-vivos à parte, o fato é que voltei para cá. Tentarei retomar os Contos de quinta, agora no verão numa versão praia, menos sombria, mais humorada. Depois, quando entrar no ritmo, tentarei buscar a verve assassina ou deprimida novamente. Tentarei também, mas isso vai levar, ainda, alguns dias ou semanas retomar "O escritório 2" ou seja lá que título vá ter. Para quem não conhece o 1 tem um trecho ali na coluna da esquerda.

Hoje, porém, vou apenas mencionar o FEMUSC. Não sou especialista, não entendo quase nada de música (só sei que não sou fã de sertanejo e pagode), mas gosto de ouvir o que me agrada. E música erudita sempre soou bem aos meus ouvidos, desde quando ouvia os LPs do meu pai há uns 30 anos aproximadamente, sem saber pronunciar Bach, Tchaikovsky, Beethovem, Brahms, Mozart e diversos outros. Dessa forma, sou um empolgado pelos eventos que promovem música erudita com seus clássicos e suas desconhecidas.

E tive a sorte de morar na cidade que tem o MAIOR FESTIVAL ESCOLA de música clássica da América Latina e um dos maiores do mundo. Aos poucos este evento está sendo conhecido do grande público no país, como se percebe com a matéria na Globo News que pode ser conferido abaixo. Eu recomendo.

Um comentário:

Mari B. disse...

Opa, que bom que estás de volta!
E que sucesso o FEMUSC, não é? Que bom saber que nosso estado está se destacando nesse sentido.
Bom 2014!